sábado, novembro 20, 2010

O cinema argentino é o maior

Já viram O segredo dos teus olhos?
Acabo de ver Dos Hermanos, de um diretor de 37 anos. Delicadeza, sensibilidade, simplicidade, emoção. Vida cotidiana. Dores da família , e também alguma delícia.
Já começa com uma reunião de condominio- é genio.
O cinema argentino dá de 10 nesse aqui de tropas de elite e tudo o mais. O único que gostei nos últimos tempos foi a recriação de Cinco Vezes Favela, por moradores favelados com ajuda de cineastas. Mas Cinco Vezes Favela já tem história. O resto o que é? Com exceção de Ugo Giorgetti, que está para lançar um filme sobre o cotidiano na ditadura, e deve ser ótimo, como tudo o que faz.



Dos hermanos (2010)
Direção: Daniel Burman
Roteiro: Daniel Burman e Sergio Dubcovsky, baseado no romance "Villa Laura", de Sergio Dubcovsky
Atores: Graciela Borges e Antonio Gasalla

5 comentários:

Simone do Rio disse...

Acho que o segredo está na juventude dos seus cineastas, da buena onda. Daniel tem 30 anos e um currículo admirável. Solanas é exceção.

Elizabeth disse...

mas aqui também tem cineasta jovem...sei nao, acho que é talento mesmo, e nao tem idade

Elizabeth disse...

ah, e também praticamente não tem "jovem" ator na fita, o que aqui,m em geral, é obrigatório.

Tania Mendes disse...

Você já viu " O Fim e o Princípio", do Eduardo Coutinho? Maravilha. É um documentário que quase supera a realidade. Beleza.

Elizabeth disse...

O Coutinho é ótimo. Mas não está em cartaz , só o tropa de elite e outros feitos pelos artistas da globo...