domingo, janeiro 10, 2010

Gato e o último tango em Paris

4 comentários:

Anônimo disse...

Ah Essa sim. Com ela vossa Alteza redimiu-se do rock. Bela música e belas lembranças, de quando sempre havia uma moça para namorar ao som de músicas como essa. O duro da velhice é a ausência do namoro com moças bonitas. Transar a gente continua transando normalmente. Mas não dá mais para namorar mocinhas e seduzi-las. Namorar uma mulher, chegar ao seu eu, é quase tão bom quanto devorar suas intimidads fisicas

Anônimo disse...

Esqueci de assinar Cap. Pepe

Elizabeth disse...

Velho, my Captain? Pois devia gostar de rock, o saltitante Mick Jagger aí embaixo está na sua faixa...

jo fevereiro disse...

Delícia, Beth... Também surrupiei.
B
Jo