sexta-feira, março 20, 2009




Hosmany Ramos candidata-se a presidente


Do blog É Tudo Política, do amigo solertíssimo repórter Eduardo Reina, do Estadão

http://etudopolitica.blogspot.com


“Um assunto que não foi citado ainda nessa cobertura da queda do secretário estadual de Segurança Pública de São Paulo, Ronaldo Marzagão, é que a polícia que ele chefiava não tem a menor pista de onde está o médico Osmane Ramos, mais conhecido como Hosmany Ramos, foragido desde dezembro do ano passado de presídio administrado pelo sucessor de Marzagão, Ferreira Pinto.”

A Wikipédia conta quem é essa figura: Osmane Ramos, mais conhecido como Hosmany Ramos é um médico-cirurgião, escritor e criminoso brasileiro.

Durante os anos 1970, tinha grande prestígio na área médica, atendia em dois consultórios próprios e era assistente de Ivo Pitanguy. O próprio ex-médico não sabe dizer o que o levou à vida de crimes, mas entre o fim da década de 1970 e o começo da de 1980 começou a traficar drogas internacionalmente, inclusive com vôos agendados de seu avião particular. Em 1981 foi condenado a 53 anos de prisão por roubo de aviões, contrabando de automóveis e pelo assassinato de seu piloto pessoal, Joel Avon, e do estelionatário Firmiano Angel.

Na cadeia, foi um dos poucos a conseguir escapar do presídio de segurança máxima de Taubaté. Não foi sua única fuga: no Dia das Mães de 1996 deixou o Instituto Penal Agrícola de Bauru e não voltou, mas foi recapturado no mês seguinte, em Campinas, ao participar do seqüestro do fazendeiro Ricardo Rennó, pelo qual foi condenado a mais 30 anos.

Hosmany responde a cerca de 23 inquéritos policiais. Durante o tempo que esteve na prisão, já publicou oito livros, sendo que Marginália foi lançado inclusive na França. Seu livro Pavilhão 9 — Paixão e Morte no Carandiru foi lançado na Bienal do Livro do Rio de Janeiro em 2001, mas ele participou do evento por videoconferência, porque não teve sua saída autorizada pela Justiça. Cumpre pena em regime semiaberto na penitenciária de Valparaiso, mas em 1.º de janeiro de 2009, durante indulto de Natal e Ano Novo, convocou a imprensa para anunciar que não voltaria à prisão, como forma de protesto às más condições da penitenciária e pelo medo de ser morto após denúncias que pretende fazer em um livro. Ele de fato não voltou.

Antes de retornar, sua intenção era reunir-se com os juízes da Vara de Execuções Criminais a fim de explicar sua atitude de não voltar à prisão na data originalmente prevista, mas os juízes garantiram que não havia possibilidade de o receberem. "Ele prega a igualdade entre os presos e quer agora ser privilegiado? Aqui ele não terá tratamento diferenciado", avisou o juiz Emerson Sumariva.


Volto ao blog É tudo Política


“O médico-presidiário Hosmany Ramos tem uma página na internet onde se lançou candidato à Presidência da República em 2010. Veja sua justificativa para ser candidato independentre: "Aprendi na medicina o 'primo non nocere' (primeiro não fazer mal). Um candidato não pode encher o saco da população brasileira, invadindo os lares no horário nobre, com seu famigerado horário eleitoral gratuito, onde candidatos oficiais bancados pelos banqueiros e aristocratas, ocupam enormes espaços na tela da televisão para derramar sua verborragia paranóica, repleta de promessas, autopromoção e egolatria. Daí, ter escolhido ser um candidato independente. Pelo menos, não participarei dessas invasões absurdas dos lares, no horário nobre, com discursos chatérrimos que só servem para tirar o telespectador do sério, enchendo o saco, sem nada de útil. Só no Brasil, isso acontece! É um absurdo vergonhoso, ter que aturar a cara de pau desses gravatinhas maquilados. Se eleito, acabarei em definitivo, com esse suplício chamado horário eleitoral. Peço sua opinião no meu Blog, sobre o que você acha dessa invasão domiciliar no horário nobre da telinha. Se você concorda comigo, sei que poderei contar com seu apoio." Ah, bom...”


No blog do dr. Hosmany Ramos

http://www.hosmanyramos.com

você poderá ler matérias como esta:

Amnestia Internacional revela grande material sobre tortura em prisões Brasileiras (inglês)

2 comentários:

Alf disse...

Feliniano. O cara tem trabalhado bastante (precisa de um revisor...) e o site dele já tem até publicidade.

Nadia Gal Stabile disse...

CARAMBA!!!