terça-feira, fevereiro 23, 2010

O fascismo não passará?



De um artigo de Umberto Eco sobre o Ur-Fascismo, citado em Carta Maior e lembrado por Luiza.
Eco termina o artigo com esta poesia de Franco Fortini:

Sulla spalletta del ponte
Le teste degli impiccati
Nell'acqua della fonte
La bava degli impiccati
Sul lastrico del mercato
Le unghie dei fucilati
Sull'erba secca del prato
I denti dei fucilati

Mordere l'aria mordere i sassi
La nostra carne non à più d'uomini
Mordere l'aria mordere i sassi
Il nostro cuore non à più d'uomini.

Ma noi s'è letto negli occhi dei morti
E sulla terra faremo libertà
Ma l'hanno stretta i pugni dei morti
La giustizia che si farà.

(Na amurada da ponte/ A cabeça dos enforcados/Na água da fonte/ A baba dos enforcados/No calçamento do mercado/As unhas dos fuzilados/Sobre a grama seca do prado/Os dentes dos fuzilados/Morder o ar morder as pedras/ Nossa carne não é mais de homens/Morder o ar morder as pedras/Nosso coração não é mais de homens/ Mas lemos nos olhos dos mortos/ E sobre a terra a liberdade havemos de fazer/ Mas estreitaram-na nos punhos os mortos/A justiça que se há de fazer.)”

5 comentários:

Luiza disse...

Valeu a menção, Beth...
E no que depender de nós não passará!

Abraço

Elizabeth disse...

Ás vezes, só os amigos me animam e me dão esperanças.

Liu disse...

Não passará, mas bem que faz força pra passar, em conta gotas, disfaçadamente.

Os pequenos gestos fascistas (e a aceitação deles) cotidianos é que assustam. Não fazem barulho mas envenenam a alma.

Valei-nos Glauber.

Fernando J. Pimenta disse...

Bela poesia de Franco Fortini, quem eu também nunca li. Vejo sempre coisas boas por aqui. Sobre genocidas e perpetradores de violência eu escrevi algumas até hoje:

http://fejapimenta.blogspot.com/2009/01/gaza-em-brasas-gritou.html

http://fejapimenta.blogspot.com/2010/02/holocausto-no-horto-das-oliveiras.html

http://fejapimenta.blogspot.com/2010/02/hope-under-new-scope.html

http://fejapimenta.blogspot.com/2010/01/mark-of-cain.html

http://fejapimenta.blogspot.com/2010/01/manipulacao-da-fala-ou-palavra-que-cala.html

http://fejapimenta.blogspot.com/2010/01/maos-ao-alto.html

O bom é um assunto que sempre dá muito pano pra manga, há diversas formas de recortá-lo, cosê-lo. É sempre um tópico fértil em possibilidades.

Um abraço!! Belo blogue.

Elizabeth disse...

Liu, que Glauber sempe baixe entre nós.
Fernando, obrigada, vou ler seus links.