quinta-feira, janeiro 28, 2010

Maiakóvski e os tempos difíceis

Os tempos estão duros
para o artista.
Mas, dizei-me,
anêmicos e anões, os grandes,
onde,
em que ocasião, escolheram
uma estrada batida?
General
da força humana
- Verbo -marche!
Que o tempo
cuspa balas
para trás, e o vento
no passado
só desfaça um maço de cabelos.
Para o júbilo
o planeta está imaturo.
É preciso
arrancar alegria
ao futuro.
Nesta vida
morrer não é difícil.
O difícil
é a vida e seu ofício.

(Trecho de A Serguei Iessiênin, poema de 1926
Tradução Haroldo de Campos)

2 comentários:

jo fevereiro disse...

"Para o júbilo
o planeta está imaturo.
É preciso
arrancar alegria
ao futuro.
Nesta vida
morrer não é difícil.
O difícil
é a vida e seu ofício."

ESTÁ DITO!

Elizabeth disse...

palavra por palavra